A SUMULA DA CÂMARA DE VEREADORES

 


BASTIDORES DA POLÍTICA DE AÇAILÂNDIA

 

Primeiro de janeiro de 2021, marcou os açailândenses e a vida dos vereadores, a frustração dos edis está gerando uma rivalidade política que prejudica o município 

 

As disputas saíram do controle e a conjuntura da atual mesa diretora, ataca com narrativas desastrosas os vereadores que apoiaram o vereador Ceará, assim foi a denuncia formulada de uma possível irregularidade da gestão que há antecede há de 2021. O caso e seguinte: uma suposta aquisição de moveis não entregues, já justificada pela empresa contratada, alegou atrasos devido a pandemia do COVID-19, que em seguida, levou os moveis até a câmara de Vereadores após a manifestação no plenário municipal, no qual segundo informações os mesmos vereadores que fizeram a denúncia recusara-se a receber os moveis, comenta-se que a empresa foi a delegacia registrar o fato.

A presidência da casa parece junto com seus aliados em narrativas da ultima sessão, desqualificar o suplente de vereador Marcos Sirley, que assumiu depois de um mandado de segurança expedido pelo TJ/MA, creditando ao ex-presidente da casa, a intervenção na decisão que envolve o parlamento municipal no qual deveria ser explicada pela atual administração da casa tamanha acusação.

Totalmente compreensível a decisão do vereador suplente Sirley Marcos optar por caminhar com o ex-presidente depois das invertidas dos 8 (oito) vereadores contra a decisão que mandou empossa-lo, as investidas que denigre o mais novo vereador da casa na intenção de desgastar sua imagem, na justificativa de quererem o bem de Açailândia, demonstrando total desarmonia e desrespeito harmônico entre os parlamentares da casa.

ENTREVISTA A TV MIRANTE

O procurador da Casa o Dr. Ricardo em suas palavras afirmou que irar cumprir a decisão que mandou empossar o suplente de vereador, mais deixou no ar, como seria feito os proventos financeiros do parlamentar e falou da estrutura da câmara, o Presidente Feliberg Melo afirmou não ter como remunerara-lo, baseando-se no regimento e ainda afirmou que a casa não possui lugar para 18 vereadores. Esquecendo-se, que um está afastado.

Conscientiza Açailândia!

É notável o total despreparo do atual presidente Feliberg Melo, que já premedita um calote, caso o pagamento do vereador Sirley Marcos não aconteça, lembrando que na primeira decisão que afastou o vereador Cleones Matos, deu o devido tempo para que a câmara de vereadores seguisse com a instauração de um inquérito administrativo para analisa o possível afastamento do Vereador Cleones Matos. O que não aconteceu, como se prevê no regimento em circunstâncias semelhantes, sendo a câmara omissa diante dos acontecimentos analisáveis na decisão que dá o tempo oportuno para criação de uma Comissão Processante de Inquérito, diante dos fatos que em primeira instância condena o vereador afastado.

Também ficamos sabendo que a atual administração da casa estaria dificultando o repasse das diárias para os vereadores da base do ex-presidente Ceará, para que os mesmos possam busca benefícios para o município, sendo expostos a constrangimento de oficio, exigindo dos edis a descrição das informações e finalidades mais absurdas não feitas aos seus aliados conforme chegada até esse noticioso.

O fato que nos preocupa é a proporção que essas brigas internas tem tomado desde de janeiro de 2021, diante das falácias a que mais nos assusta é que coloca a vida do vereador Ceará em risco, situação que pode se estender aos seus aliados como forma de intimidação, a história pode se repetir com uma sumaria execução, envolvendo alguns dos vereadores, como ouve, com alguns políticos de nossa região dos quais nunca houve a elucidação dos casos em um passado não tão distante.

A câmara de vereadores que em uma reportagem se comporta de forma indiferente e com inverdades ao dizer que não disponibiliza de recursos financeiros em tempos que pagar aproximadamente R$ 40.000,00 (Quarenta mil reais) em bonificações a servidores de seus aliados, sai da moralidade que se diz ter, para imoralidade, já demonstradas em contratos por inexigibilidade que despreza os profissionais locais, contratando prestadores de serviços de outros municípios e regiões.

A perseguição ao vereador Ceará por essa atual conjuntura da mesa diretora é incontestável em 2021, todos aqueles que caminham harmonicamente com o ex-presidente são atacados com represarias que a casa pode proporcionar, que hoje parece ter em seu controle uma emissora que defende todas as atrocidades da casa e ataques aos vereadores, Açailândia precisa voltar aos seus rumos e suas sessões objetivas, não as que acontece como da ultima sessão onde vereadores trocaram farpas e não avaliaram se quer, as demandas municipais, dos quais foram eleitos para ajudar resolver.

 

Por

          Marcio Morais

 

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

FELIBERG SAI DE FININHO PARA NÃO RECEBER PROTOCO DE SUPLENTE DE VEREADOR

UM POUCO DA HISTÓRIA DA VEREADORA ROBENHA DA SAÚDE

PRIMEIRO ANO DA ADMINISTRAÇÃO DO PREFEITO ALUISIO SOUSA